A Polícia Civil prendeu Letícia de Sousa Oliveira, de 26 anos, nesta segunda-feira (21). Letícia foi condenada a 9 anos de prisão por ajudar o então namorado, Dalvan Pereira Gouveia a estuprar uma adolescente de 13 anos em agosto de 2013. A polícia acredita que a mulher aliciou a vítima e ainda ajudou o namorado após o crime.

O estupro foi em Xambioá, no norte do Tocantins. Na época dos fatos, o casal morava junto e tinha um filho. Como o caso corre em segredo de Justiça, uma vez que a vítima era menor de idade, não há informações sobre quem ficou com a guarda do filho dos dois.

Dalvan Pereira também foi condenado a 9 anos de prisão pelo abuso. Ele foi capturado pela polícia no dia 25 de abril deste ano e está na Cadeia Pública de Xambioá desde então.

Letícia foi levada à Cadeia Femina de Babaçulândia provisóriamente. Ela deve cumprir a pena em Palmas, onde fica a maior penitenciária feminina do estado.

Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.


Compartilhar:

Deixe seus Comentario