A Polícia Civil do Tocantins conseguiu localizar nesta segunda-feira (29) um homem que é suspeito de estuprar a própria filha, que tinha seis anos de idade quando tudo aconteceu. O suspeito foi identificado apenas pelas iniciais, D.A.M.M. Ele era procurado desde a época do crime, em 2013, e estava escondido na Bahia.

O crime foi na cidade de Dianópolis, no sudeste do Tocantins. Na época, exames médicos comprovaram que a menina tinha sido abusada e o pai teve a prisão decretada. Ele fugiu e não tinha sido mais visto.

A investigação durou seis anos e envolveu policiais dos dois estados. A operação para prender D.A.M.M foi em uma força-tarefa conjunta entre os dois estados. O suspeito foi levado para a cadeia pública de Luís Eduardo Magalhães e aguarda a Justiça determinar a transferência para o Tocantins.

Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.


Compartilhar:

Deixe seus Comentario